Curiosidades

Mulher de sucesso- atualmente é destaque no comércio paranaense

Aida Assunção veio para o Paraná com a família em busca de oportunidades

Assim como milhares de retirantes que deixam sua cidade natal em busca de oportunidades, a família da empresária capixaba Aida Santos Assunção, 56, se instalou por esse motivo em Apucarana, em 1972.

Os pais de Aida, Álvaro Assunção (in memoriam) e Elzenita Santos Assunção vieram do Espírito Santo para o interior do Paraná junto dos 14 filhos.  Quem vê a empresária sempre batalhando pelo seu comércio e as entidades que representa, nem imagina como foi para chegar até o momento profissional. “Para ajudar no sustento de casa, comecei a trabalhar com 12 anos em feiras livres vendendo peças de artesanato produzidas por meu pai”, recorda.

Quatro anos depois, a empresária conseguiu o primeiro emprego de vendedora com carteira assinada na extinta Livraria Liral, hoje Nerimar Papelaria e Livraria. Aida chegou a trabalhar também como caixa de posto de combustível e foi responsável de seção em um supermercado da cidade. “Sempre fui muito feliz e tive muito orgulho do caminho que percorri. Minha família sempre foi muito unida”, conta.

Quando completou 23 anos, ela abriu o primeiro negócio próprio: um açougue. Na mesma época se casou Ademilson Gomes da Silva, 48, com que teve os filhos Ademilson Assunção Gomes da Silva, 20 e Angélica Assunção Mariano da Silva, 30. Posteriormente, Aida montou um minimercado e, em seguida, abriu a Floricultura Flor & Arte, segmento que atua até hoje em Apucarana.

Além de trabalhar com o comércio, a empresária também é formada em Designer de Interiores e Decoração, voluntária da Escola de Desenvolvimento Humano Casa do Caminho (Edhucca). Atualmente, Aida é presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Apucarana (Sivana); vice-presidente de assuntos do comércio da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Apucarana (Acia); e membro da diretoria da Federação do Comércio do Estado do Paraná (Fecomércio PR).

Aída Assunção, presidente do Sivana, junto do empresário Jonas Ranuci Marcato e o juiz federal Sergio Moro, que recebeu a comenda “Ordem do Mérito do Comércio do Paraná”

Aida também ganhou destaque quando atuou como presidente da Câmara da Mulher Empreendedora e Gestora de Negócios (CMEG) de Apucarana, por duas gestões, e presidente da Escola da Edhucca, também por duas vezes.

“Só tenho agradecer por tudo que aconteceu em minha”, complementa.

Texto, Fernanda Neme
Fotos – Arquivo pessoal e Kadu Nakaguishi

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker